Pular para o conteúdo principal

中華人民共和國 香港特別行政區

Sim! Como todo bom entendedor de mandarim sabe, o título deste post é 'Hong Kong Special Administrative Region of the People's Republic of China' (para os íntimos é apenas 香港 - Hong Kong). Afinal, já estava mais do que na hora de ir direto ao assunto principal deste blog!



Em pouco mais de uma semana finalmente estarei indo para lá, selar meu destino no mundo corporativo: vou trabalhar por 6 meses na CWCC, uma empresa que presta serviços corporativos para outras empresas ao redor do mundo. Coisas como auditoria, contabilidade, etc.

A empresa tem diversos escritórios em várias cidades na China, mas eu irei trabalhar com o Latin American Business Advisory Team (parece até chique, haha), ou seja, irei cuidar da parte de relacionamento com clientes latinoamericanos. E suspeito que eu serei a única a falar português por lá... enfim, estou bem animada, acho que vai ser um trabalho bem legal e espero ter o perfil que a empresa quer! Só quero ver como vou me adaptar com a rotina do trabalho, pois já faz mais de 6 meses que eu tô nessa vida de playboy, hehehe, e o meu último trabalho (na Colombia) definitivamente não envolvia passar 8 horas do meu dia sentada numa mesa, a frente de um computador.

Sobre a cidade: novamente, não sabia nada sobre Hong Kong quando fui escolhida para fazer meu intercâmbio lá. Felizmente, minhas expectativas aumentaram cada vez mais à medida em que fui buscando mais informações sobre o país, viva a Wikipédia!

Portanto, seguem alguns fatos interessantes sobre Hong Kong e os honconguenses (eita palavra feia):

* É uma Região Administrativa Especial da China, ou seja, o país tem total autonomia, com exceção das áreas de defesa e relações exteriores.

* Foi uma colônia da Inglaterra até o ano de 1997. Na época da transição para o controle chinês, ficou estabelecido que a autonomia da região e os direitos da população seriam mantidos por 50 anos (até 2047).

* Hong Kong tem 7 milhões de habitantes, espalhados por 1.104 km2.

* A densidade populacional lá é de 6.076 pessoas / km2 (a densidade populacional da cidade de Sao Paulo é de 7.216 pessoas / km2). Há!


 
* Hong Kong é uma das cidades mais capitalistas do mundo, é é dona da economia mais livre do mundo! Quem diria, hein?

* É uma das cidades mais caras do mundo. *nãããããããoooooo*

* Lá não se fala mandarim, se fala cantonês (pelo que eu ouvi dizer, se mandarim fosse português, cantonês seria o espanhol).

* 40% da área de Hong Kong é de parques e áreas preservadas.

* Hong Kong tem aproximadamente 235 ilhas, e muitas praias!:


* É a terra natal do Jackie Chan, Bruce Lee e Chow Yun-fat (sei quem são, mas acho que nunca vi nenhum filme inteiro deles).

* R$ 1,00 é aproximadamente 4HKD (hong kong dollars).

* Ouvi dizer que muitas baladas são gratis e open bar às quartas e quintas!

E é basicamente isso. Sei que minhas concepções sobre Hong Kong vão mudar drasticamente no minuto em que eu colocar meu pé pra fora do avião. Aquele frio na barriga, olhar para todos os lados, tentar entender o que está acontecendo (e provavelmente não entender nada) vai acontecer comigo muitas vezes nos próximos meses. Só espero em breve poder substituir essas fotos acima por fotos tiradas por mim! :)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 10: comida de rua de Hong Kong

Se tem uma coisa que o povo aqui de Hong Kong adora é comer fora! Porém, com um estilo de vida tão atarefado, familias normalmente pequenas e apartamentos ainda menores, poucas pessoas tem tempo e disposição para cozinhar em casa. Além disso, Hong Kong oferece uma variedade enorme de opções gastronômicas para todos os gostos e bolsos, então normalmente é bem fácil encontrar restaurantes para matar a fome depois de um longo dia de trabalho.
Mas quando você quer comer algo rápido, o que você faz? Vai na padoca, pede um pão de queijo com pingado e segue com sua vida? A resposta (obviamente) é não. Mas quando falamos de lanches e comida de rua, Hong Kong oferece uma infinidade de opções que vale a pena provar! Algumas comidinhas são apenas para os mais corajosos, como vocês vão ver na lista abaixo, mas HK tem coisas deliciosas que já fazem parte do meu cardápio, haha!


Como curiosidade, listo abaixo 10 comidas de rua super interessantes de Hong Kong (em ordem aleatória). Importante mencio…

Como conseguir um visto de trabalho em Hong Kong (parte 1)

Eu já falei sobre isso em um post anterior, mas vira e mexe aparece a pergunta no grupo de brasileiros em Hong Kong no Facebook: como conseguir um visto de trabalho em Hong Kong? Por isso resolvi falar mais sobre como obter o tão sonhado visto de trabalho (uma vez que você receba uma proposta de emprego de uma empresa local).

No meu caso, por exemplo, eu tive que ir na cara e na coragem, já que depois de receber a proposta para trabalhar na ONG eu percebi que: 1) o escritório tinha apenas 10 funcionários na época e o RH era novo, e 2) como eu suspeitava, o cara do RH não fazia a menor idéia de como processar um visto de trabalho. Aliás, quando eu finalmente comecei a trabalhar, ele já tinha até se demitido, então vai vendo o nível...
Hong Kong é um lugar com ótimas ofertas de trabalho para profissionais qualificados. Porém, muitas empresas que nunca tiveram experiência com o processo do visto ficam meio desmotivadas em contratar estrangeiros e ter que cumprir os requisitos exigidos pe…

Viver em Hong Kong - O guia!

Estou de volta!
Aliás, nunca abandonei este meu belo blog, mas vários motivos de força maior me impediram de escrever nos últimos 6 meses, incluíndo preguiça e outras coisas mais importantes, como formatura, viagens, e até uma mudança de emprego! Mas sempre estive aqui, na boa e velha Hong Kong...
Nesses meses recebi vários emails de brasileiros que tem interesse de morar em Hong Kong e saber mais sobre a vida aqui. Para unir o útil ao agradável, resolvi dar uma ajuda e reunir algumas informações bem úteis para quem está interessado em vir passar uma(s) temporada(s) aqui.
Regra número 1 - Hong Kong não é China!
Eu já falei isso várias vezes aqui no blog, mas viver em HK é totalmente diferente de morar na China. Um exemplo: brasileiros podem vir pra HK a turismo sem precisar de visto e ficar aqui até 90 dias. Já para a China, brasileiros precisam sim de visto! Me empolguei e até fiz uma tabela com as diferenças mais marcantes entre HK e China:
Hong KongChinaPreciso de visto?NãoSimIdio…