Pular para o conteúdo principal

Em casa / At home

Como sempre, o tempo passou super rápido e eu estou de volta a Hong Kong... mas antes eu queria dividir algumas das coisas engracadas que aconteceram enquanto eu estava lá! Antes de mais nada eu esclareço: durante essa viagem eu e o Javier acompanhamos por alguns dias uma delegação de empresários de Hong Kong, interessados em conhecer mais sobre o mercado brasileiro.

  • Na churrascaria, os chineses pediram a bebida mais típica do Brasil: caipirinha! Mas não é qualquer um que aguenta o sabor forte da cachaça e no final do almoço dava pra ver que as caipirinhas estavam praticamente intocadas. A única diferença era o gelo que derreteu.

  • Comer muita carne também não é o forte dos chineses. Cada delicioso pedaço de carne oferecido pelo garçom era prontamente divido em três pessoas na mesa. Eu sozinha devo ter comido mais que todos os chineses juntos, haha!

  • Infelizmente, muitos ainda tem uma visão bem negativa sobre o Brasil. :( Me perguntavam se podiam sair na rua a noite, ou se não tinha problema em sair sozinho. Tá gente, eu sei que São Paulo não é segura como Hong Kong, mas é triste ver o medo que os estrangeiros ainda tem daqui...

  • O pessoal não ficou nada impressionado com o Shopping Iguatemi, que é um dos poucos shoppings de luxo do Brasil, já que em Hong Kong existem lojas de marca mega caras em todo lugar.

  • Algumas das coisas que eu comi que mais faziam falta: pastel, farofa, calabreza, pizza, feijoada, pão de queijo, guaraná, churrasco... hmmm, que delícia comer comida de casa (até mesmo o ovo frito que a minha mãe faz, eu adoro!).

  • Consegui renovar minha carteira de motorista! Que alegria poder dirigir por São Paulo, eu tava feliz até parada no trânsito, haha. Mas no final das contas, melhor ainda é morar num lugar onde os transportes públicos são tão eficientes que poucas pessoas usam carro.

No geral foi uma ótima viagem. Mas pra ser perfeita mesmo, só indo de férias, e é o que eu espero fazer em breve! ;)


*****


As always, time goes by too quickly when you’re home. And here I am back in Hong Kong… but first I would just like to share some of the funnier and curious things that happened while I was there! Before I start, let me explain: during this trip, Javier and I were part of a delegation which included some Hong Kong businessmen, interested in learning more about the Brazilian market, for a few days, in Sao Paulo.

  • At the “Churrascaria” (Brazilian BBQ restaurant), all the Chinese ordered Brazil’s most famous cocktail, the caipirinha! But its strong and burning taste is not for the weak. At the end of the dinner most of the caipirinhas were still intact. Oh well, at least the ice melted.

  • Eating lots of meat is also not an easy task for the average Chinese. At the restaurant, each juicy and scrumptious slice of meat was readily shared between two or three people. Shame on them! I probably ate, alone, more meat than the rest of the table together, haha!

  • Unfortunately many people still have a negative image about Brazil. :( People from the delegation were asking me if they could go outside at night, of if there was any problem to walk on the streets alone. Alright, I know that Sao Paulo is not as safe as Hong Kong, but it really makes me sad to see the fears that many foreigners have when they come to Brazil…

  • No one got impressed when the delegation stopped by Iguatemi Shopping Mall, supposed to be the first luxury shopping mall in Brazil. Hong Kong is already overloaded with super expensive luxury brands!

  • I had the chance to eat some of the things I missed the most: pastel (kind of a big fried dumpling); farofa (manioc flour); calabreza (a kind of smoked sausage); pizza (REAL pizza, not that terrible American stuff we have in HK); feijoada (bean soup with pork); pao de queijo (cheese bread); guarana (soft drink made of a national fruit); barbecue… yum! And is also sooo good to eat homemade food (even the sunny side eggs that my mom makes, I love ’em)!

  • I managed to finally renew my driver’s license! What a joy to drive again in the streets of Sao Paulo. I was happy even when I got stuck in traffic, hehe…but in the end I realized that even better than having a car is to live somewhere with good public transportation, where you actually don’t need a car.

I was an amazing trip back home. But for it to be perfect, I definitely need to go back on vacation… which is something I hope to do very soon! ;)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Top 10: comida de rua de Hong Kong

Se tem uma coisa que o povo aqui de Hong Kong adora é comer fora! Porém, com um estilo de vida tão atarefado, familias normalmente pequenas e apartamentos ainda menores, poucas pessoas tem tempo e disposição para cozinhar em casa. Além disso, Hong Kong oferece uma variedade enorme de opções gastronômicas para todos os gostos e bolsos, então normalmente é bem fácil encontrar restaurantes para matar a fome depois de um longo dia de trabalho.
Mas quando você quer comer algo rápido, o que você faz? Vai na padoca, pede um pão de queijo com pingado e segue com sua vida? A resposta (obviamente) é não. Mas quando falamos de lanches e comida de rua, Hong Kong oferece uma infinidade de opções que vale a pena provar! Algumas comidinhas são apenas para os mais corajosos, como vocês vão ver na lista abaixo, mas HK tem coisas deliciosas que já fazem parte do meu cardápio, haha!


Como curiosidade, listo abaixo 10 comidas de rua super interessantes de Hong Kong (em ordem aleatória). Importante mencio…

Como conseguir um visto de trabalho em Hong Kong (parte 1)

Eu já falei sobre isso em um post anterior, mas vira e mexe aparece a pergunta no grupo de brasileiros em Hong Kong no Facebook: como conseguir um visto de trabalho em Hong Kong? Por isso resolvi falar mais sobre como obter o tão sonhado visto de trabalho (uma vez que você receba uma proposta de emprego de uma empresa local).

No meu caso, por exemplo, eu tive que ir na cara e na coragem, já que depois de receber a proposta para trabalhar na ONG eu percebi que: 1) o escritório tinha apenas 10 funcionários na época e o RH era novo, e 2) como eu suspeitava, o cara do RH não fazia a menor idéia de como processar um visto de trabalho. Aliás, quando eu finalmente comecei a trabalhar, ele já tinha até se demitido, então vai vendo o nível...
Hong Kong é um lugar com ótimas ofertas de trabalho para profissionais qualificados. Porém, muitas empresas que nunca tiveram experiência com o processo do visto ficam meio desmotivadas em contratar estrangeiros e ter que cumprir os requisitos exigidos pe…

Viver em Hong Kong - O guia!

Estou de volta!
Aliás, nunca abandonei este meu belo blog, mas vários motivos de força maior me impediram de escrever nos últimos 6 meses, incluíndo preguiça e outras coisas mais importantes, como formatura, viagens, e até uma mudança de emprego! Mas sempre estive aqui, na boa e velha Hong Kong...
Nesses meses recebi vários emails de brasileiros que tem interesse de morar em Hong Kong e saber mais sobre a vida aqui. Para unir o útil ao agradável, resolvi dar uma ajuda e reunir algumas informações bem úteis para quem está interessado em vir passar uma(s) temporada(s) aqui.
Regra número 1 - Hong Kong não é China!
Eu já falei isso várias vezes aqui no blog, mas viver em HK é totalmente diferente de morar na China. Um exemplo: brasileiros podem vir pra HK a turismo sem precisar de visto e ficar aqui até 90 dias. Já para a China, brasileiros precisam sim de visto! Me empolguei e até fiz uma tabela com as diferenças mais marcantes entre HK e China:
Hong KongChinaPreciso de visto?NãoSimIdio…